*Fazer olhinhos

*Instituto Nina Rosa

*Sutiãs triangulares

* Dezembro 2009

* Outubro 2009

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Abril 2009

* Março 2009

* Fevereiro 2009

* Janeiro 2009

* Dezembro 2008

* Novembro 2008

* Outubro 2008

* Setembro 2008

* Agosto 2008

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

* Março 2008

* Fevereiro 2008

Segunda-feira, 9 de Junho de 2008

Paixão

Foi publicado no site do Bolsa Mulher uma matéria sobre o vício da paixão. Achei muito interessante e por isso resolvi postar hoje falando do assunto.

 

Existem pessoas que parecem não conseguirem ficar sozinhas não é?

A paixão faz o nosso corpo produzir grandes doses de anfetaminas como a dopamina, norepinefrina e feniletilamina. Essas substâncias são responsáveis pela euforia que sentimos quando estamos apaixonados, que nos dá alegria. Por conta dessa sensação boa, essas substâncias podem viciar.

 

Esse vício explica o por quê de existerem pessoas que trocam de parceiros rapidamente, elas podem ser viciadas em adrenalina. Aqueles viciados em paixão são viciados nas sensações provocadas pela adrenalina então eles estão sempre buscando senti-las.

 

De acordo com a antropóloga Mirian Goldenberg esta busca contínua pela paixão está relacionada a toda mulher. Isso por conta da educação que recebemos em crer que as paixões são eternas. Ela acrescenta que esse vício pela paixão é um sintoma também da conteporaneidade. Pois segundo Mirian este tipo de vício é cultural e cresce a partir das presentes características de nossa sociedade: valorização do novo e busca por experiências intensas.

 

Algumas das causas: medo inconsciente de sofrer por amor, falhas na formação básica emocional do indivíduo.

 

Mas estar apaixonada também tem seus riscos. Segundo a psicóloga Clarissa Fernandes a paixão é um estado que altera a consciência e torna-se doentio. Existem duas formas de paixão, a "patológica", que pode vir a ser doentia e não evolui para o amor; e a "normal", que naturalmente vira amor.

 

Então minha gente, tá explicado né? Aquelas amigas que não páram quietas!

rsrsrsrrsrsrssrsrsrs....

 

 



2 comentários:
De emilia a 10 de Junho de 2008 às 00:04
acho que não sou eu.. hehehe.
adorei o texto! ;P

;**


De Cintia a 12 de Junho de 2008 às 14:27
Paixão é bom, mas consegue fazer esse tipo de "estrago" né? Tipo, faz a gente esquecer da vida e pensar que tudo não passa de um mar de rosas (rs). Ainda bem que é assim. É mtu bom estar apaixonada :)

Bjs, querida.


Comentar post

*Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


*palavras-chave

* todas as tags

*procurar por aqui

 

*Ana

*Fazer olhinhos

blogs SAPO
RSS